Todos falam em tendências de moda, mudança de estações, lançamento de coleções. Mas você sabe o que realmente significam estes termos? Se você acha que essas coisas só interessam aos estilistas, é bom rever os seus conceitos, pois entendendo o ciclo da moda você poderá planejar melhor suas compras e ter mais autonomia quando o assunto é estar na moda. É sempre bom lembrar que nem toda tendência combina com o seu estilo, é preciso filtrar e pensar bem antes de comprar!

A moda é ao mesmo tempo uma tendência humana de diferenciação, imitação, desejo de aceitação e necessidade de mudança. Por isso a moda é um fenômeno tão efêmero e passageiro. Para alavancar as vendas no setor de vestuário, as marcas lançam periodicamente suas coleções.

Segundo Rech (2002:68), coleção “é um conjunto de produtos, com harmonia do ponto de vista estético ou comercial, cuja fabricação e entrega são previstas para determinadas épocas do ano”.*

As coleções são criadas após uma pesquisa de tendências. Estas tendências são elaboradas segundo os artigos que serão lançados principalmente  pela indústria têxtil. Muitos profissionais estão envolvidos nas pesquisas de novos tecidos e novos pigmentos para dar cores a esses tecidos, além de outras tecnologias envolvidas na produção de roupas.

Imagens do Première Brasil

Imagens do Première Brasil

Para acompanhar todas as mudanças e caprichos da moda, a Indústria estabeleceu um calendário que até hoje é seguido nas principais capitais do mundo. Esse calendário é baseado nas estações do ano, pois a indústria percebeu que era na época de mudanças de estação que as pessoas procuravam comprar novas peças de roupas, para se adequar às variações climáticas. Mesmo nos países como o Brasil onde essas variações climáticas não são tão bruscas de uma estação para outra, esse calendário de lançamento de coleções é mantido.

Tudo isso começou no século XIX com o estilista Charles Worth (1826–95). Ele instituiu a alta-costura e sentiu a necessidade de mostrar as suas criações ao público, promovendo os lançamentos das coleções divididos em duas temporadas. Após difundir a alta-costura, Worth propôs um sistema para os lançamentos da moda que concentrava a criação e a divulgação das novidades duas vezes ao ano, acompanhando as estações climáticas, primavera/verão e outono/inverno.

Charles Worth

Charles Worth


Este calendário serve para planejar o que está sendo vendido no presente e o que será lançado no futuro. Veja o exemplo abaixo baseado no livro Inventando Moda de Doris Treptow:

MÊS COLEÇÃO EM VENDAS
Janeiro Promoção das peças que sobraram da coleção de alto-verão(fim de ano)
Fevereiro Promoção das peças que sobraram da coleção de alto-verão(fim de ano)
Março Lançamento da coleção de outono
Abril Venda da coleção de outono
Maio Lançamento da coleção de inverno
Junho Venda da coleção de inverno
Julho Promoção das peças que sobraram da coleção de outono/inverno
Agosto Promoção das peças que sobraram da coleção de outono/inverno
Setembro Lançamento da coleção de primavera
Outubro Lançamento da coleção de verão
Novembro Lançamento da coleção de alto verão e festa (fim de ano)
Dezembro Venda da coleção de alto verão e festa (fim de ano)

Agora que você já entende o ciclo da moda, pode acompanhar os lançamentos e aproveitar para aproveitar também as promoções de final de temporada!

Sugestões de sites para pesquisa de tendências:

http://www.wgsn.com/

http://www.vipreview.com.br/

http://www.thecoolhunter.net/fashion

http://www.premierevision.com/

http://www.premierebrasil.biz/

http://www.promostyl.com/us/

* Livro:Inventando moda-Planejamento de coleção .3 ed. Brusque, S.e.,2005. Autora:Doris Treptow,pág.42.


Tânia Neiva

Graduada em Estilismo e Moda da UFC e especialista em Metodologia do Ensino de Artes pela Universidade Estadual do Ceará. Atua na área de planejamento e criação de coleções de moda. Lecionou nos cursos de Design de Moda da UFC Centro Universitário Estácio do Ceará.

Conheça a minha loja de Desenhos técnicos vetoriais de moda! Dispensar